Quinta-feira, 17 de Fevereiro de 2011

Neoliberalismo ou Democracia: O Debate Está Aberto - por Júlio Marques Mota -11

(Conclusão)

7. Enquanto o povo grego votou socialista os mercados decidiram…

A febre da curva da crise da dívida na Grécia

Por Markus Frühauf

20 de Fevereiro de 2010

Negociar sobre o risco da insolvência da Grécia nos últimos cinco meses permitiu ganhos fantásticos. Isso fica bem claro pelo desenvolvimento do preço para os seguros de incumprimento em que financeiramente a Eurolândia é fraca. A 16 de Outubro de 2009, os Credit Default Swap (CDS), que os investidores usam para se precaverem contra a insolvência de Atenas, ainda custavam 123 pontos base (1,23 ponto percentual). Isso significou um prémio anual de € 12.300, a fim de garantir um crédito de 1 milhão de euros. Em 4 de Fevereiro, um segurado teve que pagar 42.820 € por um seguro sobre o mesmo valor, uma taxa três vezes maior. O prémio de risco sobre a Grécia - no linguagem calão dos mercados financeiros e dos spreads dos CDS - é a febre da curva da crise da dívida.

O crescimento dos custos do seguro de incumprimento reflecte a reduzida credibilidade do país. A especulação no mercado de CDS começou depois de 4 de Outubro de 2009, quando os socialistas gregos comemoravam a sua vitória eleitoral. Duas semanas depois, o governo recém-eleito informou os seus parceiros da zona euro que as estimativas apontavam para o défice de 2009 atingir 12,7 por cento de rendimento económico (PIB).

Timidamente, mas constante

Isso foi um choque, uma vez que o anterior governo conservador tinha prognosticado precisamente metade. A nova estimativa para o défice orçamental chamou à arena dos mercados os hedge funds em primeiro lugar, relata um especialista em CDS da City de Londres que trabalha para um grande banco americano. Tendo em conta a história anterior da Grécia de aldrabar os dados para entrar para a União Monetária, para a zona euro, com estatísticas sobre o orçamento falsas, a este nível a aposta de que a Grécia ia ter problemas de pagamentos foi promissora. Esta aposta, entretanto, tornou-se óbvia.


O aumento do prémio de risco sobre a dívida da Grécia primeiramente evoluiu de forma tímida, mas constante. Pode-se dizer que os hedge funds foram os primeiros a reconhecer a situação orçamental de Atenas que estava completamente exausta, e por isso apostaram no mercado de CDS e numa queda no valor da dívida grega com pouco envolvimento de capital. Mas o compromisso do novo governo grego em assumir a transparência como prática política desencadeou essa especulação. Os novos aumentos no spread dos CDS foram acompanhadas por factores fundamentais também. A 8 de Dezembro de 2009, a agência de rating Fitch baixou a classificação do crédito à Grécia classificação esta que passou de "A-" para "BBB +". A zona do euro, a Eurolândia encontrava-se na mesma categoria como a Estónia ou a África do Sul, na sua capacidade de crédito. Uma semana depois, a Standard & Poor's fez a mesma coisa. Aqui, também, os gregos saltaram da "classe A", que expressa uma solvência particularmente boa. Neste período, o preço dos CDS ultrapassou a marca de 200 pontos-base, pela primeira vez.. Com estas reduções nas classificações do valor do crédito o medo de uma possível insolvência grega cresceu a passos largos nos mercados financeiros e entre os seus países parceiros europeus.

Juros invulgarmente elevados

publicado por Carlos Loures às 21:00

editado por Luis Moreira em 16/02/2011 às 22:45
link | favorito

.Páginas

Página inicial
Editorial

.Carta aberta de Júlio Marques Mota aos líderes parlamentares

Carta aberta

.Dia de Lisboa - 24 horas inteiramente dedicadas à cidade de Lisboa

Dia de Lisboa

.Contacte-nos

estrolabio(at)gmail.com

.últ. comentários

Transcrevi este artigo n'A Viagem dos Argonautas, ...
Sou natural duma aldeia muito perto de sta Maria d...
tudo treta...nem cristovao,nem europeu nenhum desc...
Boa tarde Marcos CruzQuantos números foram editado...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Eles são um conjunto sofisticado e irrestrito de h...
Esse grupo de gurus cibernéticos ajudou minha famí...

.Livros


sugestão: revista arqa #84/85

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

.links