Sábado, 5 de Junho de 2010

A República nos livros de ontem nos livros de hoje - 7 e 8 (José Brandão)

Bandeira Nacional

Lisboa, 1910



Por Decreto de 15-10-1910, o Governo nomeou uma comissão, a que foi integrada por personalidades como Columbano Bordalo Pinheiro, Abel Botelho e João Chagas. Poucos dias depois, em 29 de Outubro, a comissão apresenta um primeiro projecto, que correspondia à bandeira do 5 de Outubro com a importante diferença de a disposição das cores vir agora invertida em relação àquela, com a cor verde junto à tralha. Quanto às armas, a comissão propôs a esfera armilar, «padrão eterno do nosso génio aventureiro», e o escudo branco com quinas azuis «da fundação da nacionalidade». Apresentado um segundo projecto, que mantinha o cromatismo verde-rubro, o Governo aprova-o em 29 de Novembro de 1910.

A Assembleia Nacional Constituinte, na sua sessão de abertura sancionou o projecto aprovado pelo Governo para a Bandeira.

____________________________________________________________________________________



Bernardino Machado

H. de Oliveira Marques


Fernando Marques da Costa

Lisboa, 1978


A afamada Geração Portuguesa de 1865-70 contou entre as suas fileiras um homem de Estado que raros se lembrariam de identificar com ela: Bernardino Machado. É verdade que – criação de literatos, mais do que dos historiadores – como expoentes dessa e doutras «gerações» se nos apresentam poetas, prosadores filósofos, por vezes artistas e homens de ciência, mas rarissimamente políticos. Tem-se definido «geração» a partir dos valores culturais somente e em referência às correntes culturais somente também.

Cumpre aos historiadores ampliarem e reformularem conceito tão fecundo e tão pouco experimentado ainda como ferramenta de trabalho. E a caracterização das múltiplas figuras de uma mesma geração que fogem ao paradigma do homem de letras terá de ser a tarefa primeira para o aferimento e a activação desta ferramenta.
publicado por Carlos Loures às 18:00
link | favorito

.Páginas

Página inicial
Editorial

.Carta aberta de Júlio Marques Mota aos líderes parlamentares

Carta aberta

.Dia de Lisboa - 24 horas inteiramente dedicadas à cidade de Lisboa

Dia de Lisboa

.Contacte-nos

estrolabio(at)gmail.com

.últ. comentários

Transcrevi este artigo n'A Viagem dos Argonautas, ...
Sou natural duma aldeia muito perto de sta Maria d...
tudo treta...nem cristovao,nem europeu nenhum desc...
Boa tarde Marcos CruzQuantos números foram editado...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Eles são um conjunto sofisticado e irrestrito de h...
Esse grupo de gurus cibernéticos ajudou minha famí...

.Livros


sugestão: revista arqa #84/85

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

.links