Terça-feira, 18 de Janeiro de 2011

O estado que alimentamos...

Luis Moreira

 

A partir do texto de hoje do Vasco Pulido Valente no Público( 9-01), deixo aqui uns números para todos dormirmos reconfortados. Temos um estado social que vela por nós, gente capaz e impoluta e um estado sério, poupado e que coloca o interesse nacional à frente de tudo.

 

Portugal tem 13 740 organismos públicos, de que só 1724 apresentam contas. Pior: do total só 418 foram sujeitos a uma verdadeira fiscalização.

 

Desde 2007, que se cria uma fundação em cada 12 dias, com o fim, óbvio, de fugir às regras mais rigorosas da contabilidade oficial.

 

Há ainda a juntar 1181 empresas do sector público, 485 associações sem fins lucrativos. 356 institutos de "vária pinta", 342 empresas municipais e regionais e outras 370 que não se sabe bem o que são e a que se dedicam.

 

A câmara de Oeiras, comprou uma estátua e um programa de festas para a comemoração dos 250 anos do município pela módica quantia de 1 250 000 euros e Gondomar gastou 550 mil euros em publicidade nas camisolas do Gondomar F. C. Para as passeatas compraram-se uns BMW, tapetes de Arraiolos, garrafas de wisquie, brinquedos Toys R'US. Como exemplos de cultura convidaram-se o Toni Carreira por 600 000 euros e José Carreras por 263 000 euros (Santarém).

 

Saciados? Nem pensar! O governo tenciona aumentar as verbas para a publicidade (11 535 913 euros), para "horas extraordinárias" (45 201 721 euros) e para "combustíveis" (53 822 272 euros) para além das "deslocações e estadas", "comunicações"...

 

Quem paga é o contribuinte, o tal que ganha pouco, vê os impostos a aumentar, e o vencimento e as pensões a diminuir. E também vemos grande parte do dinheiro a ser mal gasto, enquanto 20% dos portugueses continuam mergulhados na pobreza. Não há forma de fugir à responsabilidade, há dinheiro,  as prioridades é que deixam os mais fracos na pobreza.

 

Socialistas e a caminho do socialismo uma ova!

publicado por Luis Moreira às 13:00
link | favorito
7 comentários:
De CM a 19 de Janeiro de 2011
Não acredito que Vasco Pulido Valente tenha relacionado uma estátua em Oeiras ou as camisolas do Gondomar FC com a governação socialista.
Se ainda fossem uns terrenos para o benfica...
De Luis Moreira a 19 de Janeiro de 2011
Não relacionou, foi só para mostrar que anda tudo "à redea solta" e que as prioridades no país são as que são.
De CM a 19 de Janeiro de 2011
É evidente que não relacionou. O Sr. Vasco não está tão gágá que faça esse disparate. Aliás a intenção dele não era atingir o "socialismo", mas o despesismo do Estado e os trabalhadores do Estado, como se pode ver pelo artigo - do Público.
Se te deres ao trabalho de ler o original (do Público) verás que pões afirmações na boca do Sr. Vasco que ele não escreveu. "Compraste" as citações já truncadas e truncaste mais uns bocados e dá estas incongruências.
De Luis Moreira a 19 de Janeiro de 2011
Carlos, o costume, juízos sobre as minhas intenções...
De CM a 19 de Janeiro de 2011
Luís, as intenções são claras, delas não vem mal ao mundo, nem eu as critico.
O "juízo" é sobre o método que acho impróprio numa publicação minimamente séria.
O artigo do Sr. Vasco tem o título "O contribuinte que se lixe". Há vários posts na blogosfera com as mesmíssimas citações, embora sem as mesmas conclusões, e também o texto original.
O meu intuito era mais um conselho. Não colhe? Paciência, continua que não falta quem não se importe.
Eu não posso acomodar os meus principios a estes métodos.
De Luis Moreira a 19 de Janeiro de 2011
Carlos, o meu texto só tem os números do texto do VPV. Se vires o meu texto começa com "a partir de um texto de..." não diz "O texto do senhor..." por isso a seriedade não é para aqui chamada.

Segundo, o VPV, mostra aqueles números para concluir que o desperdício continua no orçamento de 2011, enquanto eu quero mostrar que não é por falta de dinheiro que a pobreza continua, é pelas prioridades. E, como os socialistas estão há 13 anos no poder, nos últimos 16 anos, a pobreza só não é a prioridade porque eles não querem.
Não há lugar a seriedade, Carlos, eu não transcrevo o texto do VPV...
De Luis Moreira a 19 de Janeiro de 2011
E, se eu achasse que tu estás de má fé dir-te-ia que aderiste ao famoso argumento do Sr. Silva : Estou no poder há muitos anos mas não tenho culpa nenhuma...

Comentar post

.Páginas

Página inicial
Editorial

.Carta aberta de Júlio Marques Mota aos líderes parlamentares

Carta aberta

.Dia de Lisboa - 24 horas inteiramente dedicadas à cidade de Lisboa

Dia de Lisboa

.Contacte-nos

estrolabio(at)gmail.com

.últ. comentários

Transcrevi este artigo n'A Viagem dos Argonautas, ...
Sou natural duma aldeia muito perto de sta Maria d...
tudo treta...nem cristovao,nem europeu nenhum desc...
Boa tarde Marcos CruzQuantos números foram editado...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Eles são um conjunto sofisticado e irrestrito de h...
Esse grupo de gurus cibernéticos ajudou minha famí...

.Livros


sugestão: revista arqa #84/85

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

.links