Terça-feira, 7 de Setembro de 2010

Reflexões a partir da forma de fazer xixi

Clara Castilho




Menina faz xixi sentada. Menino faz xixi de pé.

Se for na rua, ele leva grande vantagem – em qualquer recanto se desenrasca! Menina quer proteger a sua privacidade, tem que se agachar, tudo é difícil. Em lugares públicos também fica a perder. Fazer xixi numa sanita na qual não se senta também é difícil e deixa rastos…

Já em casa, ela reina, satisfaz a s sua necessidade com calma e relaxada. Ele terá que levantar a tampa da sanita para não a deixar suja. E que a baixar, para não ouvir recriminações.

Eterna luta de todas as casas que conheço e em que coabitam o género masculino e o feminino!

Pois agora o problema está resolvido. Vende-se no AKI um aparelho da empresa espanhola Simple Creations, chamado PIS ALARM e custa 8 euros. E que faz ele? Toca música quando um membro do sexo masculino utilizou a sua pilinha para urinar e não baixou o tampo da sanita!

Estamos mal se agora alguém se lembrar de arranjar aparelhos externos que nos façam lembrar como nos devemos comportar! O cinto do carro a cantar quando nos esquecemos de o colocar? Até pode ser.

Mas…. que tal um aparelho que apite quando alguém comete corrupção?

E outro que dê choques eléctricos quando um marido tem pensamentos luxuriosos em relação a outra mulher?

E outro que nos faça sentir qualquer coisa negativa quando nos comportamos sem ser de acordo com o que nos tínhamos comprometido?

E já agora um que nos injecte serotonina e nos faça sentir no paraíso quando nos comportamos bem!

E apitam aonde os aparelhos? E são vigiados por quem? E quem sanciona o castigo?



E assim se vai o livre arbítrio. E a liberdade de fazer bem ou de fazer mal. Com as devidas consequências.

Prefiro continuar a berrar com quem deixou o tampo da sanita para cima!
publicado por Carlos Loures às 16:30
link | favorito
1 comentário:
De augusta.clara a 7 de Setembro de 2010
Eu, também. E com quem...fora :)

Comentar post

.Páginas

Página inicial
Editorial

.Carta aberta de Júlio Marques Mota aos líderes parlamentares

Carta aberta

.Dia de Lisboa - 24 horas inteiramente dedicadas à cidade de Lisboa

Dia de Lisboa

.Contacte-nos

estrolabio(at)gmail.com

.últ. comentários

Transcrevi este artigo n'A Viagem dos Argonautas, ...
Sou natural duma aldeia muito perto de sta Maria d...
tudo treta...nem cristovao,nem europeu nenhum desc...
Boa tarde Marcos CruzQuantos números foram editado...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Eles são um conjunto sofisticado e irrestrito de h...
Esse grupo de gurus cibernéticos ajudou minha famí...

.Livros


sugestão: revista arqa #84/85

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

.links