Terça-feira, 26 de Abril de 2011

Requiem, por Carlos Loures - texto e ilustração

 

O monstro agoniza, o seu hálito apodrece

roubando  á Primavera o claro rosto.

A sua carne canceriza, a mão estremece,

mas mata, mata sempre o seu punhal,

pois quer como sudário o próprio mundo.

Moribundo,  o chacal, seu grito inunda

a terra de destroços e incendeia o vento,

o corpo já vacila e o olhar escurece,

mas mata, mata ainda o seu punhal,

pois quer como mortalha as nossas vidas.

A boca é uma cratera de raiva e pus

e os pés afunda em lama e ódio,

as flores esmaga nesse orgasmo mortal.

Mata, mata ainda a sua faca,

pois quer devorar o sol no seu estertor,

aniquilar o amor, a esperança, a luz,

tudo o que é caro à vida quer matar

e deixar-nos a morte como herança, gravar

nas cinzas da paisagem a sua lápide:

Aqui jaz o capital: em sangue amanhecido,

em sangue anoiteceu,

fez todo o mal que pôde,

depois morreu.

 

Nota: este poema, com ligeiras variantes, foi publicado em A Poesia Deve Ser Feita Por Todos, Cadernos  Peninsulares, Lisboa, 1970.

 

 

 

 

 

Ao assalto, morte ao capital! – quadro de 1969

 

publicado por João Machado às 10:00

editado por Augusta Clara às 22:43
link | favorito

.Páginas

Página inicial
Editorial

.Carta aberta de Júlio Marques Mota aos líderes parlamentares

Carta aberta

.Dia de Lisboa - 24 horas inteiramente dedicadas à cidade de Lisboa

Dia de Lisboa

.Contacte-nos

estrolabio(at)gmail.com

.últ. comentários

Transcrevi este artigo n'A Viagem dos Argonautas, ...
Sou natural duma aldeia muito perto de sta Maria d...
tudo treta...nem cristovao,nem europeu nenhum desc...
Boa tarde Marcos CruzQuantos números foram editado...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Conheci hackers profissionais além da imaginação h...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Esses grupos de CYBER GURUS ajudaram minha família...
Eles são um conjunto sofisticado e irrestrito de h...
Esse grupo de gurus cibernéticos ajudou minha famí...

.Livros


sugestão: revista arqa #84/85

.arquivos

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

.links