Domingo, 12 de Dezembro de 2010
Presidenciais - Sócrates nas mãos de Alegre.
Luis Moreira

Em entrevista ao DN, José Sócrates vem dizer que "Tenho muita esperança que o Manuel Alegre ganhe as eleições presidenciais." Ora, foi por não pensar assim que Alegre não ganhou as últimas eleições Presidenciais e que deram a vitória a Cavaco Silva. Nessa altura Sócrates, fez tudo para evitar a vitória de Alegre lançando na corrida um octogenário, Mário Soares.

A que se deve a reviravolta, sabendo nós que as sondagens dão a vitória à primeira volta a Cavaco Silva? Se tivesse a certeza ou pelo menos a esperança de continuar a governar, Sócrates não faria tal afirmação, outros no PS a fariam por ele. A razão é que Sócrates sabe, que o eleitorado ao dar a vitória a Cavaco Silva espera uma decisão. A demissão do governo e novas eleições de onde sairá um novo arranjo democrático.

Se assim for, Sócrates verá a sua liderança, mesmo dentro do PS, contestada o que enfraquecerá a sua posição perante o eleitorado, já por si muito enfraquecida pelas medidas que tomou e cujos desastres sociais serão evidentes em 2011.

Encontrará ,Cavaco, razões substantivas e constituicionais para avançar para a demissão do governo ? Constituicionais tem com fartura desde logo porque num ambiente social tão dificil, um governo minoritário não tem condições de o enfrentar com a legitimidade necessária. Substantivas porque por muito menos e numa situação muito menos dificil Sampaio demitiu um governo.

É então certo que Cavaco demitirá o governo? Tenho-o como certo, não só porque tudo indica que o PS verá a sua base de apoio muito reduzida (o que vai dar outra razão a Cavaco) mas porque e, tal como já o afirmei aqui no estrolabio, o cavalo do poder raramente passa duas vezes à mesma porta. E, com Cavaco Silva em Presidente e com uma maioria PSD+CDS, a influência de Cavaco Silva crescerá exponencialmente.

A eleição de Cavaco só terá razão de ser se avançar para eleições antecipadas, e mesmo quando afirma que é preciso estabilidade e que a chave está no Parlamento, ao contrário do que se poderá ler, prepara as razões que utilizará para tomar a decisão "bomba atómica" dos seus poderes. Um Parlamento com um PS diminuído e uma maioria aritmética do PSD e do CDS. A estabilidade e o Parlamento estão, então, conformes à coerência do que afirma agora e afirmará depois.

Estamos no reino da previsão e das leituras antecipadas e, valem o que valem, em Democracia são as eleições que ditam as regras, mas esta afirmação de Sócrates de apoio a Alegre, mostra um político sem saída, um político avesso a recuos e a consensos, mesmo com os seus, a aceitar o inevitável depois de ter esticado a corda até ao limite para vir a apoiar Alegre, declaradamente e ele próprio.

Veja-se que em termos de políticas, Sócrates já veio encostar-se ao que Cavaco preconizou quando veio afirmar que a sua agenda passou a ser o aumento das exportações, requalificação urbana e inovação, abandonando assim a prioridade dada aos megainvestimentos, os quais tiveram sempre em Cavaco um opositor.

Duas visões opostas do país, duas soluções, duas prioridades vão estar em confronto nas Presidenciais . Uma na figura de Cavaco Silva, outra na figura de Alegre preenchendo o vazio que o impedimento de Sócrates determina. A política é extraordinariamente rica em cenários que ultrapassam a imaginação de qualquer um. Quem diria que a sorte de Sócrates estaria agora nas mãos de Manuel Alegre?

O que dirá Sócrates aos assessores que o aconselharam a apoiar Mário Soares, travando Alegre e, assim, terminar com a sombra tutelar de Soares? Uma vitória de Pirro. A vingança de Alegre, está longe de ser " o vento que passa"!

tags:

publicado por Luis Moreira às 20:00
link do post | comentar

EDITORIAL
AUTORES
Adão Cruz

Adriano Pacheco

Alexandra Pinheiro

Andreia Dias

António Gomes Marques

António Marques

António Mão de Ferro

António Sales

Augusta Clara

Carla Romualdo

Carlos Antunes

Carlos Durão

Carlos Godinho

Carlos Leça da Veiga

Carlos Loures

Carlos Luna

Carlos Mesquita

Clara Castilho

Ethel Feldman

Eva Cruz

Fernando Correia da Silva

Fernando Moreira de Sá

Fernando Pereira Marques

Hélder Costa

João Machado

José Brandão

José de Brito Guerreiro

José Magalhães

Josep Anton Vidal

Júlio Marques Mota

Luís Moreira

Luís Rocha

Manuel Simões

Manuela Degerine

Marcos Cruz

Maria Inês Aguiar

Paulo Melo Lopes

Paulo Rato

Pedro Godinho

Raúl Iturra

Rui de Oliveira

Sílvio Castro

Vasco de Castro

Contacte-nos
estrolabio(at)gmail.com
últ. comentários
bom dia meu tio de nome joao da cunha fernandes da...
Sou James Roland, de Portugal. Alguns meses atrás,...
Oferece empréstimos de dinheiro variando de 5000 a...
Here is a good news for those interested. There i...
oferta para todosOlá, volto para todos os indivídu...
esse dalmaso nao e brasileiro ele deu depoimento e...
Meu nome é Patricia Martins, de Portugal, um pai s...
Dia bom, Meu nome é Laura Pablo, eu quero testemun...
Afinal em que ficamos? Esta coisa do Daflon do Ven...
UPDATE ON LOAN REQUIREMENT If you are in need of ...
pesquisar neste blog
 
posts recentes

De 26 de Setembro a 2 de ...

As minhas novas pegadas (...

A viagem dos argonautas

Portugal, a União Europei...

Políticos que cumprem ! P...

O Ministro Gaspar

Anima ver o lado positivo

Palavras Interditas - por...

Os jornais e as notícias ...

Summer Time - Ella Fitsge...

arquivos

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

tags

todas as tags


sugestão: revista arqa #84/85
links