Sexta-feira, 4 de Junho de 2010
A República nos livros de ontem nos livros de hoje - 5 e 6 (José Brandão)

Após Monsanto (Através da Decomposição dos Partidos)

Eduardo de Sousa

Lisboa, 1921

É este um livro despretensioso que se lança a correr mundo, atendendo sobretudo à circunstancialidade do momento. Não visa ele, é certo, a resolver qualquer das gravíssimas questões que ao presente tanto preocupam o espírito nacional, como soem dizer em suas prosas sisudas os pensadores omniscientes ao serviço efectivo das gazetas conspícuas ou os fazedores de relatórios profundos que ninguém lê mas a que é de regra geralmente aludir-se com arqui-profunda e sagrada veneração. Nem mesmo, - qual do seu titulo poderia, porventura deduzir-se – mira ele, perfunctóriamente sequer, a historiar criticamente os sucessos políticos nacionais subsequentes ao dia histórico em que a irreprimível indignação e o ímpeto valoroso do poro de Lisboa fez tremular de novo na iminência de Monsanto o pendão da República, a bandeira nacional, abatida assim a da restauração monárquica que, por uma imprudente audácia, ali fora.
__________________________________________________________________

… E Assim se Fez a República

José Estevam

Lisboa, 1951

No primeiro e segundo capitulo deste volume, resume-se o muito que escreveu João Nunes Esteves em História das revoluções portuguesas desde o ano de 1820, que ficou no primeiro tomo, onde declara que era estabelecido na Rua do Ouro e fora de um dos corpos da tropa.

Inocêncio Francisco da Silva, que enumera este escritor no tomo II do Dicionário Bibliográfico, conta que Esteves tinha uma tipografia na Rua dos Capelistas e a morte do filho, em 1838, lhe trouxera a «disposição ou tendências mono maníacas.

No ano de 1822, apareceu em Lisboa O Martelo Político, bissemanário impresso na oficina de João Nunes Esteves, sita na Rua dos Correeiros, n.º 144, periódico de prosa parecida com a do dito livro de Esteves.


publicado por Carlos Loures às 18:00
link do post | comentar

EDITORIAL
AUTORES
Adão Cruz

Adriano Pacheco

Alexandra Pinheiro

Andreia Dias

António Gomes Marques

António Marques

António Mão de Ferro

António Sales

Augusta Clara

Carla Romualdo

Carlos Antunes

Carlos Durão

Carlos Godinho

Carlos Leça da Veiga

Carlos Loures

Carlos Luna

Carlos Mesquita

Clara Castilho

Ethel Feldman

Eva Cruz

Fernando Correia da Silva

Fernando Moreira de Sá

Fernando Pereira Marques

Hélder Costa

João Machado

José Brandão

José de Brito Guerreiro

José Magalhães

Josep Anton Vidal

Júlio Marques Mota

Luís Moreira

Luís Rocha

Manuel Simões

Manuela Degerine

Marcos Cruz

Maria Inês Aguiar

Paulo Melo Lopes

Paulo Rato

Pedro Godinho

Raúl Iturra

Rui de Oliveira

Sílvio Castro

Vasco de Castro

Contacte-nos
estrolabio(at)gmail.com
últ. comentários
Sou James Roland, de Portugal. Alguns meses atrás,...
Oferece empréstimos de dinheiro variando de 5000 a...
Here is a good news for those interested. There i...
oferta para todosOlá, volto para todos os indivídu...
esse dalmaso nao e brasileiro ele deu depoimento e...
Meu nome é Patricia Martins, de Portugal, um pai s...
Dia bom, Meu nome é Laura Pablo, eu quero testemun...
Afinal em que ficamos? Esta coisa do Daflon do Ven...
UPDATE ON LOAN REQUIREMENT If you are in need of ...
Olá, sou ivani suarez, atualmente morando em santi...
pesquisar neste blog
 
posts recentes

De 26 de Setembro a 2 de ...

As minhas novas pegadas (...

A viagem dos argonautas

Portugal, a União Europei...

Políticos que cumprem ! P...

O Ministro Gaspar

Anima ver o lado positivo

Palavras Interditas - por...

Os jornais e as notícias ...

Summer Time - Ella Fitsge...

arquivos

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

tags

todas as tags


sugestão: revista arqa #84/85
links