Quarta-feira, 21 de Julho de 2010
Executivo camarário do Porto não quer Rua José Saramago
Tal como aconteceu em Mafra, há anos atrás, em que foi rejeitada a proposta para atribuir o nome de Saramago a uma escola da vila que se tornou mundialmente conhecida devido ao êxito de «Memorial do Convento», o executivo camarário do Porto recusa aceitar que seja dado o nome do Nobel a uma rua da cidade. A Associação Portuguesa de Escitores distribuiu pelos seus sócios o texto de uma petição destinada a recolher assinaturas de protesto contra tão aberrante decisão. Diz o texto, cujo primeiro signatário é José Manuel Mendes, presidente da instituição:

Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal do Porto,

Surpreendeu-nos a chocante notícia, divulgada pela Comunicação Social, de que deliberou por maioria o executivo a que V.ª Ex.ª preside rejeitar a proposta do Vereador Rui Sá, lembrando o dever de se atribuir o nome de José Saramago a uma rua do Porto.

Inconformados com a resolução tomada pelos responsáveis da Autarquia, vêem os signatários, agentes culturais, e simples cidadãos que consideram a Cultura esteio fundamental da Civilização, convidar V.ª Ex.ª a promover a reanálise da proposta apresentada, com vista a uma decisão que não desonre a Cidade, nem ofenda a memória de um compatriota nosso que ficará como vulto maior da Literatura Universal.

Estrolabio associa-se a este movimento de protesto, sabendo, no entanto, que cabe aos cidadãos da Mui Nobre, Sempre Leal e Invicta Cida do Porto decidir se querem ou não aceitar uma decisão, de cariz marcadamente mesquinho e político, que, a prevalecer, a todos os portuenses envergonhará. Estamos certos de que tal decisão não passará. O Porto terá uma rua, praça ou avenida com o nome de José Saramago.


publicado por Carlos Loures às 17:15
link do post | comentar

12 comentários:
De carlos loures a 21 de Julho de 2010 às 17:37
Essa questão de Mafra tem um pormenor curioso. O mesmo executivo que não queria atribuir o nome do escritor a uma escola, deu o nome do presidente da câmara a um grande complexo polidesportivo. Mas, claro o que é um obscuro Prémio Nobel da Literatura quando comparado com um resplandecente autarca da vila de Mafra?
Gente mesquinha, sem qualidade intelectual, sem grandeza humana, gente que nada significa para o País, tem sempre de manifestar o seu rancor e inveja quando tem possibilidade de avaliar as pessoas verdadeiramente importantes. É a vingança dos imbecis, Oxalá no Porto não prevaleça a opinião dessa desprezível gentinha. A cidade não o merece.


De VivóPorto a 21 de Julho de 2010 às 18:51
O José Saramaro teve um grande azar à nascença, foi nascer entre mouros e não entre morcões.


De Luis Moreira a 21 de Julho de 2010 às 22:12
Saramago só há esse, e a obra dele é de todos.


De maria monteiro a 22 de Julho de 2010 às 01:21
depois do que aconteceu no Porto (não sabia de Mafra) um dia destes temos aí um movimento de pais empenhados na educação dos filhos a pedir à Ministra da Educação que trave essa prática de se estudar Saramago nas escolas


De maria monteiro a 22 de Julho de 2010 às 18:07
mas ontem foi descerrada a placa de bronze em memória da visita de Bento xvi. Ali junto à Câmara do Porto e à estátua de Almeida Garrett o recado também foi dado pelo Bispo do Porto "Almeida Garrett foi determinante até no reatamento de relações de Portugal e Santa Sé depois do liberalismo, em meados do século xix ... sendo o escritor que melhor percebia o contributo da religião para uma sociedade livre e democrática”.
Também foi inaugurada uma exposição (até outubro), nos Paços do Concelho, sobre a visita papal.


De Pedro Godinho a 22 de Julho de 2010 às 23:43
Com o nome desse presidente da Câmara há, em Mafra, pelo menos, um Parque Desportivo Municipal e um Pavilhão Desportivo Municipal (Parque Desportivo Municipal Eng.º Ministro dos Santos; Pavilhão Desportivo Municipal Eng.º Ministro dos Santos.
Mas compreende-se, o homem é Engenheiro, Ministro e dos Santos!
Uma tríade assim não é para qualquer um.


De carlos loures a 23 de Julho de 2010 às 00:08
E não levantou obstáculos a que uma das principais avenidas da vila se chame Francisco Sá Carneiro - que, como todos sabemos,´foi pessoa muito mais ilustre e importante do que um escritorzeco que ganhou um premiozito qualquer.


De Luis Moreira a 23 de Julho de 2010 às 01:01
Mas sendo em Mafra, o homenzinho pode colocar o nome quantas vezes quizer que Mafra será sempre "O Memorial do Convento" de Saramago! Azar...


De Sales a 23 de Julho de 2010 às 16:43
Ó pá, agora o Porto é obrigado a pôr o nome do Saramago numa rua? Houve uma proposta, a câmara votou e reprovou. Amanhã vai para lá outra câmara, faz-se nova proposta, a câmara vota e aprova. Tá dado o nome a uma rua decente em vez de a darem agora a um beco só para chatear. A democracia é assim, raio!O povo da cidade não é ouvido nem achado noutras coisas quanto mais nestas.


De carlos loures a 23 de Julho de 2010 às 18:17
Ó Sales!Então decisões destas, de orientar os critérios toponímicos pelas cartilhas partidárias, isto tem alguma coisa a ver com democracia? En Almada o nome Saramago até é capaz de substituir o da cidade; no Porto não lhe querem dar o nome a uma simples rua. Isto não faz sentido. Vivemos, não em democracia, mas em partidocracia. A maioria de direita do executivo camarário, não poderia assumir a atitude inteligente de valorizar a grandeza intelectual do homem e, pelo menos agora que ele morreu, esquecer a sua (legítima) orientação política? É uma atitude tacanha e que envergonha algumas pessoas de direita, estou certo. E sobretudo, envergonha muitos milhares de portuenses. A democracia não é assim, Sales.


Comentar post

EDITORIAL
AUTORES
Adão Cruz

Adriano Pacheco

Alexandra Pinheiro

Andreia Dias

António Gomes Marques

António Marques

António Mão de Ferro

António Sales

Augusta Clara

Carla Romualdo

Carlos Antunes

Carlos Durão

Carlos Godinho

Carlos Leça da Veiga

Carlos Loures

Carlos Luna

Carlos Mesquita

Clara Castilho

Ethel Feldman

Eva Cruz

Fernando Correia da Silva

Fernando Moreira de Sá

Fernando Pereira Marques

Hélder Costa

João Machado

José Brandão

José de Brito Guerreiro

José Magalhães

Josep Anton Vidal

Júlio Marques Mota

Luís Moreira

Luís Rocha

Manuel Simões

Manuela Degerine

Marcos Cruz

Maria Inês Aguiar

Paulo Melo Lopes

Paulo Rato

Pedro Godinho

Raúl Iturra

Rui de Oliveira

Sílvio Castro

Vasco de Castro

Contacte-nos
estrolabio(at)gmail.com
últ. comentários
OláEu sou Ibrahim Mohammed do Emirado árabe unido,...
Eu sou um disposo privada de um fons de that em ro...
Eu sou um disposo privada de um fons de that em ro...
Potrebuješ pôžičku? Máte nízke kreditné skóre a ne...
Atenção; Você é um homem de negócios ou uma mulher...
Viveu bastantes anos em Portugal, mais precisament...
Empréstimo e InvestimentoOlá a buscar um empréstim...
No dia 08/01/1974, faleceu o furriel Zeca Rachide,...
Cheguei aqui pelo link no blogue O Cantinho da Jan...
Apply now for all kinds of loans and get it urgent...
pesquisar neste blog
 
posts recentes

De 26 de Setembro a 2 de ...

As minhas novas pegadas (...

A viagem dos argonautas

Portugal, a União Europei...

Políticos que cumprem ! P...

O Ministro Gaspar

Anima ver o lado positivo

Palavras Interditas - por...

Os jornais e as notícias ...

Summer Time - Ella Fitsge...

arquivos

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

tags

todas as tags


sugestão: revista arqa #84/85
links