Terça-feira, 10 de Agosto de 2010
Catalunha independente - como reagiria a União Europeia?
Esta semana, estamos a dedicar este espaço à Catalunha. Espaço que normalmente ocupamos com questões peninsulares - a restituição de Olivença, território roubado pelo estado espanhol a Portugal, a reabilitação da língua e da cultura galegas, e com o que se prende com a história e a cultura catalãs. Ontem ouvimos Josep Lluís Carod-Rovira, dirigente da ERC, responder a perguntas sobre uma eventual independência da Catalunha.

No mesmo sentido está construído este trabalho da TV3 - ""Adéu, Espanya?". Compara a realidade da Groenlândia, da Escócia e do Quebeque com a da Catalunha, deixando no ar a pergunta - " a independência/secessão é democrática?" e outras questões - seriam economicamente viáveis estes novos estados? Como reagiria a União Europeia?





publicado por Carlos Loures às 09:00
link do post | comentar

5 comentários:
De António Gomes Marques a 10 de Agosto de 2010 às 13:59
Oh, Carlos! A UE faria como fez no Kosovo, seguiria o que aos americanos interessasse. Claro que a Espanha não reconheceu o Kosovo, não pelas boas razões, mas por tal reconhecimento implicar concordância com a independência do País Basco, da Catalunha, da Galiza.
Falamos da mediocridade dos políticos portugueses (e nem sequer elimino destes alguns dos meus amigos, companheiros de grandes lutas, conquistados entretanto pelo aparelho partidário), mas esquecemo-nos da mediocridade que governa a Europa (as excepções são tão poucas que nem vale a pena citá-las). Basta ver o papel que hoje desempenha na Europa essa notável criatura que dá pelo nome de José Manuel Durão Barroso! (Porreiro,pá!)


De carlos loures a 10 de Agosto de 2010 às 15:42
A Catalunha é diferente do Kosovo e a maneira de fazer política dos catalães é também diferente. Os catalães analisam a situação friamente. A Sardana, a dança nacional, é feita através de uma meticulosa contagem dos passos. Diz-se que os judeus, em fuga de Castela, ao pararem em Barcelona e ao verem os catalães a dançar, terão dito. "Vamos embora. Estes gajos até a dançar fazem contas... isto não é sítio para nós!" A Catalunha tira proveito da integração no estado espanhol, onde tem um mercado enorme para os seus produtos. Agora, os catalães acham que Espanha lhes está a cortar as asas - para eles chegou a altura da separação. Oxalá consigam, mas é preciso contar com a arrogância castelhana, aliás, evidente em algumas intervenções do vídeo. Não vai ser pacífico.


De António Gomes Marques a 10 de Agosto de 2010 às 22:43
Eu não disse que a Catalunha é como o Kosovo, o que eu disse e digo é que a UE teria o mesmo comportamento, ou seja, seguiria os EUA no reconhecimento ou não de uma independência de uma das autonomias de Espanha.
Mas reconheço que tu, Carlos, tocaste num dos problemas, quando dizes que a Catalunha tira proveito do actual estatuto e, claro, a independência não interessa enquanto assim for, embora tenhamos de fazer justiça àqueles catalães que querem essa independência mesmo que alguns, poucos, tirem também proveito dessa integração. São os puristas, mas em número insuficiente para levarem à independência. Mas, como tu também dizes, que para eles chegou a altura da separação será por começarem a ver vantagens nisso, começam a verificar que há outros mercados para os seus produtos.
Pois que seja, mas a decisão é a eles que compete, por muito que nós gostássemos ou não de uma ou outra das soluções. Eu continuo na minha: decidam, sem actos terroristas que normalmente apenas atingem os inocentes, e que, no final, se considerem tão europeus quanto eu. Não me compete a mim dizer o que devem os catalães fazer, prefira eu uma solução ou outra.


De Luis Moreira a 11 de Agosto de 2010 às 18:28
Dizem os velhos independentistas nas ruas de Barcelona, produzimos 80% do PIB espanhol e que Madrid nos rouba!Será? Agora que a força centrífuga de Bruxelas se faz sentir isso é evidente


De Manuel Silva a 10 de Abril de 2012 às 20:19
Independencia para a Catalunha e restantes nações amordaçadas por castela.

Abaixo o imperislimo castelhano. castela vai voltar a ser aquilo de onde nunca devia ter passado, Burgos, madrid e pouco mais.

Viva Portugal.


Comentar post

EDITORIAL
AUTORES
Adão Cruz

Adriano Pacheco

Alexandra Pinheiro

Andreia Dias

António Gomes Marques

António Marques

António Mão de Ferro

António Sales

Augusta Clara

Carla Romualdo

Carlos Antunes

Carlos Durão

Carlos Godinho

Carlos Leça da Veiga

Carlos Loures

Carlos Luna

Carlos Mesquita

Clara Castilho

Ethel Feldman

Eva Cruz

Fernando Correia da Silva

Fernando Moreira de Sá

Fernando Pereira Marques

Hélder Costa

João Machado

José Brandão

José de Brito Guerreiro

José Magalhães

Josep Anton Vidal

Júlio Marques Mota

Luís Moreira

Luís Rocha

Manuel Simões

Manuela Degerine

Marcos Cruz

Maria Inês Aguiar

Paulo Melo Lopes

Paulo Rato

Pedro Godinho

Raúl Iturra

Rui de Oliveira

Sílvio Castro

Vasco de Castro

Contacte-nos
estrolabio(at)gmail.com
últ. comentários
No dia 08/01/1974, faleceu o furriel Zeca Rachide,...
Cheguei aqui pelo link no blogue O Cantinho da Jan...
Apply now for all kinds of loans and get it urgent...
Sou do Bat. Caç. 4613/72 que foi para Angola em fi...
Aí meu Deus eu tenho um pavor a esses bichos! Un d...
ei pessoal do bat cav 1927 e ex combatentes boa pa...
Eu fiz uma descoberta que eu gostaria de compartil...
I recebeu um empréstimo em um notável credores, ho...
Eu fiz uma descoberta que eu gostaria de compartil...
Eu fiz uma descoberta que eu gostaria de compartil...
pesquisar neste blog
 
posts recentes

De 26 de Setembro a 2 de ...

As minhas novas pegadas (...

A viagem dos argonautas

Portugal, a União Europei...

Políticos que cumprem ! P...

O Ministro Gaspar

Anima ver o lado positivo

Palavras Interditas - por...

Os jornais e as notícias ...

Summer Time - Ella Fitsge...

arquivos

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

tags

todas as tags


sugestão: revista arqa #84/85
links