Domingo, 7 de Novembro de 2010
O jardim da Gulbenkian



Luis Moreira
Jardim da autoria do arquitecto paisagista António Viana Barreto com a colaboração do arquitecto paisagista Gonçalo Ribeiro Teles (1962/1969), tem cerca de 8 ha, e onde se incluem algumas árvores e algumas espécies únicas da flora. É fortemente marcado pelo facto de possui um grande lago e um conjunto de estatuária moderna disposta pelos seus espaços. O conjunto formado pelos edifícios da Fundação Calouste Gulbenkian (sede, museu e auditório), plenamente integrados nos seus jardins, são uma referência mundial da arquitectura do século XX. Em 2005 iniciou-se uma renovação e reformulação dos espaços verdes, obra a cargo de Gonçalo Ribeiro Teles.( retirado do site da Fundação)

Sempre que vou a este jardim, e vou frequentemente, lembro-me sempre dos "pêgos" das ribeiras secas em pleno verão, onde se resguarda a vida para voltar, logo que caiam as primeiras chuvas. Tudo à sua volta é barulho e movimento, mas ali há uma calma e uma paz, como que sabendo o valor do que guardam.

Ali passei muitos fins de semana no namoro e com os livros (às vezes, com os dois ) ouvindo a passarada e a o murmúrio da água que corre e outros murmúrios dos parzinhos que ali se acoitam.A relva verde onde me espraio com vontade embalado pelo cheiro das flores e arbustos que, tal como algumas árvores, são únicas no país e até na Europa.

Lamento que a maioria da população não entenda o que pode ali usufruir, os que lá vão são também os que assistem aos concertos, congressos e exposições, que almoçam no pequeno restaurante ao ar livre ou na grande cantina, embora em certa medida essa ignorância ajude a manter o oásis.

Muitos turistas o procuram ávidos de saberem mais, como nasceu, quem foi Gulbenkien, quem o desenhou e, aproveitam para falar noutros monumentos e sítios de Lisboa que os enfeitiçam.


publicado por Luis Moreira às 13:30
link do post | comentar

1 comentário:
De maria monteiro a 7 de Novembro de 2010 às 13:51
Agora retornei ao jardim da Gulbenkian enquanto espero pelas aulas de turco. Passeio-me por ali a memorizar novas palavras. Infelizmente verifico que há demasiados excrementos de patos no relvado e nos caminhos. Enfim temos que estar a olhar para onde se põem os pés ou nos esticamos. Sei que é apenas um pormenor porque o jardim é lindo.


Comentar post

EDITORIAL
AUTORES
Adão Cruz

Adriano Pacheco

Alexandra Pinheiro

Andreia Dias

António Gomes Marques

António Marques

António Mão de Ferro

António Sales

Augusta Clara

Carla Romualdo

Carlos Antunes

Carlos Durão

Carlos Godinho

Carlos Leça da Veiga

Carlos Loures

Carlos Luna

Carlos Mesquita

Clara Castilho

Ethel Feldman

Eva Cruz

Fernando Correia da Silva

Fernando Moreira de Sá

Fernando Pereira Marques

Hélder Costa

João Machado

José Brandão

José de Brito Guerreiro

José Magalhães

Josep Anton Vidal

Júlio Marques Mota

Luís Moreira

Luís Rocha

Manuel Simões

Manuela Degerine

Marcos Cruz

Maria Inês Aguiar

Paulo Melo Lopes

Paulo Rato

Pedro Godinho

Raúl Iturra

Rui de Oliveira

Sílvio Castro

Vasco de Castro

Contacte-nos
estrolabio(at)gmail.com
últ. comentários
bom dia meu tio de nome joao da cunha fernandes da...
Sou James Roland, de Portugal. Alguns meses atrás,...
Oferece empréstimos de dinheiro variando de 5000 a...
Here is a good news for those interested. There i...
oferta para todosOlá, volto para todos os indivídu...
esse dalmaso nao e brasileiro ele deu depoimento e...
Meu nome é Patricia Martins, de Portugal, um pai s...
Dia bom, Meu nome é Laura Pablo, eu quero testemun...
Afinal em que ficamos? Esta coisa do Daflon do Ven...
UPDATE ON LOAN REQUIREMENT If you are in need of ...
pesquisar neste blog
 
posts recentes

De 26 de Setembro a 2 de ...

As minhas novas pegadas (...

A viagem dos argonautas

Portugal, a União Europei...

Políticos que cumprem ! P...

O Ministro Gaspar

Anima ver o lado positivo

Palavras Interditas - por...

Os jornais e as notícias ...

Summer Time - Ella Fitsge...

arquivos

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

tags

todas as tags


sugestão: revista arqa #84/85
links